Há 4 meses sem receber salários, funcionário denunciam caos no Hospital de Uruçuí

 

COMISSÃO DE SAÚDE DA ALEPI esteve no hospital de uruçuí para conferir a situação in loco
Funcionários do Hospital de Uruçuí estão com 4 meses de salários atrasados e deputados cobram atualização dos proventos.
Uma comissão de deputados estaduais formada por Teresa Brito (PV), Gustavo Neiva (PSB) e Zé Santana (MDB), esteve na manhã da última sexta-feira   (23),  visitando o Hospital Regional Senador Dirceu Arcoverde, em Uruçuí. A presença dos deputados faz parte de uma série de visitas que estão sendo realizadas pela Comissão da Saúde da Assembleia, que é  presidida pela deputada Teresa Brito. 
In loco os parlamentares constataram o descaso em que se encontra aquela casa de saúde, tanto na área clínica, como na humana.  Apesar do medo que impera entre os funcionários que não tem coragem de denunciar a situação, uma funcionária perdeu o medo e falou para os deputados a situação do atraso nos salários dos servidores contratados, atraso esse que já persiste há muitos anos e ninguém diz nada, inclusive os vereadores que estão constantemente dentro da unidade e sabem da situação.
Outro problema é que uma das ambulâncias do hospital  está há mais de dois meses numa oficina para ser consertada, já a que está em funcionamento, também apresenta problemas mecânicos, fato que têm deixado os motoristas preocupados.
Os deputados também viram a situação do centro cirúrgico que está parado há muitos anos, sem  condições de ser utilizado  em procedimentos que eram realizados anteriormente. A ampliação do hospital também está parada e foi motivo de críticas por parte da comissão.
Apesar dos problemas a unidade recebeu alguns equipamentos recentemente, e alguns setores foram considerados regulares pelos deputados. 
Quem esteve acompanhando os deputados foi Neres Junior, diretor do departamento de hospitais da SESAPI.

Com informações do Portal Notícias de Uruçuí

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *